Conhece Nossa Senhora da China?

Nossa Senhora da China é o nome dado a uma aparição da  Virgem Maria em Donglu, China, com primeira aparição em 1900. A mãe de Cristo apareceu na China, mostrando-se protetora e defensora dos desamparados e dos justos. O significado desta aparição esta sendo somente reconhecido agora, quando a China começa a tomar o centro do palco no mundo global e na economia. Maria espera uma China que possa tornar-se um farol de luz brilhante, uma nação onde a família seja valorizada, onde toda vida é protegida, onde o povo chinês tem o direito à liberdade de adorar o grande Deus Todo-Poderoso.
Uma imagem oficialmente sancionada de Nossa Senhora da China foi abençoa- da, concedida e promulgada pelo Papa Pio XI, em 1928, em resposta às solici-tações feitas em 1924 por Shanghai Sínodo dos Bispos na China, na primeira conferência nacional dos bispos do país. Após o evento, Dom Celso Costantini, Delegado Apostólico na China, juntamente com todos os bispos da China, decla- rou a imagem oficial de Nossa Senhora da China. Em 1941, o Papa Pio XII de- signou o dia da festa da Virgem como uma festa oficial do calendário litúrgico católico. Em 1973, após o Concílio Vaticano II, na Conferência de Bispos chi- neses, após a aprovação da Santa Sé, colocou a festa na vigília (dia anterior) do Dia das Mães (segundo domingo de maio).
A devoção cristã a Nossa Senhora da China tem sido popular em Donglu.
Várias igrejas, capelas e centros pastorais em todo o mundo, principalmente aqueles focados no ministério para os católicos de língua chinesa, adotaram o nome, incluindo uma missão em Washington, DC. Há uma capela de Nossa Senhora da China no Santuário Nacional dos Estados Unidos, em Washington, DC, criado em 2002. Tem havido alguma controvérsia, porque a imagem uti- lizada na Capela não é a imagem aprovada oficialmente de Nossa Senhora da China, mas sim uma imagem chinesa diferente da Virgem Maria.

História:  Nossa Senhora da China apareceu perto de Pequim. Em uma vila chamada Tong Lu. A pobre missão foi iniciada lá pelos Padres Vicentinos. Era um lugar pobre, talvez o mais pobre de toda a região, anteriormente chamado de “o lugar de mendigos.” Em 1900, havia cerca de sete centenas de cristãos reuni- dos em torno do pequeno lugarejo. De repente, a famosa Rebelião Pugilista de 1900 varreu a China, e cresceu em proporções tais que, mesmo pequenos luga- res como Tong Lu não escaparam de sua fúria.

Em abril de 1900, uma força de dez mil homens atacaram Tong Lu. Os soldados, com raiva e sem sentido, começaram a atirar para o céu. De repente, eles fugi- ram assustados, e não mais voltaram. Segundo a lenda, uma mulher de branco tinha aparecido acima do assentamento, e aquelas balas tinham sido destinadas a ela.  Logo depois que eles tinham desaparecido além do horizonte, Pai Wu, um sacerdote chinês, confessou ao seu rebanho que ele tinha invocado a ajuda de Maria.

Uma nova igreja foi construída no local e Pai Wu colocou uma imagem de Nossa Senhora no altar principal. Ele pediu ao pintor que vestisse Nossa Senhora do manto real da imperatriz viúva Tzi-Hsi. A imagem da Virgem no manto real da pagã Imperatriz, com o Menino Jesus em seus joelhos, é expressão viva da tradi- ção chinesa. É um santuário da Mãe e do Filho. Como já foi dito e prometido no Antigo Testamento: “Eu sou a mãe do formoso amor, do medo, do conhecimen- to e da santa esperança“.

O Tong Lu Igreja foi completamente destruída recentemente pelos comunistas chineses, mas a imagem de Nossa Senhora da China permanece intacta, porque apenas uma cópia da imagem foi usada na igreja. O original estava escondida na parede atrás da cópia, e essa foi encontrada intacta. Ela agora está em posse de sacerdotes chineses que exercem as suas atividades no disfarce.

Oração a Nossa Senhora da China

Salve, Santa Maria, Mãe de Nosso Senhor Jesus Cristo,
Mãe de todas as nações e povos.
Você é a Mãe celestial especial do povo chinês.
Ensina-nos o caminho da obediência total à vontade de Deus.
Ajude-nos a viver a nossa vida verdadeira para nossa fé.
Encha nossos corações com amor ardente a Deus e uns aos outros.
Toque nossa juventude para que se doem incondicional ao serviço de Deus.
Pedimos a vossa poderosa intercessão pela paz,
reconciliação e unidade entre os crentes
e a conversão dos infiéis na China e em todo o mundo,
pela misericórdia de Deus é nossa única esperança.
Nossa Senhora da China, Mãe de Jesus,
ouvi os nossos pedidos e rogai por nós.
Amém!

A Virgem de Sheshan é outra aparição, semelhante, que foi muito aclamada pelos cristãos chineses.

Nossa Senhora
pintada pelo artista Gary Thu Kai Kui

Oração a Nossa Senhora de She-Shan

Virgem Santíssima, Mãe do Verbo encarnado e Mãe nossa,
venerada com o título de «Auxílio dos cristãos» no Santuário de She-Shan,
para o qual, com devoto afeto, levanta os olhos toda a Igreja que está na China,
vimos hoje junto de Vós implorar a vossa protecção.
Lançai o vosso olhar sobre o Povo de Deus e guiai-o com solicitude materna
pelos caminhos da verdade e do amor, para que, em todas as circunstâncias,
seja fermento de harmoniosa convivência entre todos os cidadãos.
Com o «sim» dócil pronunciado em Nazaré, Vós consentistes que o Filho eterno de Deus encarnasse no vosso seio virginal e assim
desse início na história à obra da Redenção, na qual cooperastes depois
com solícita dedicação, aceitando que a espada da dor trespassasse a vossa alma,
até à hora suprema da Cruz, quando no Calvário permanecestesde pé
junto do vosso Filho, que morria para que o homem vivesse.
Desde então tornastes-Vos, de forma nova, Mãe de todos aqueles que
acolhem na fé o vosso Filho Jesus e aceitam segui-Lo
carregando a própria Cruz sobre os ombros.
Mãe da esperança, que na escuridão do Sábado Santo caminhastes,
com inabalável confiança, ao encontro da manhã de Páscoa,
concedei aos vossos filhos a capacidade de discernirem em cada situação,
mesmo na mais escura, os sinais da presença amorosa de Deus.
Nossa Senhora de She-Shan, que o empenho dos fiéis na China continuem,
no meio das canseiras diárias, a crer, a esperar, a amar,
para que nunca temam falar de Jesus ao mundo e do mundo a Jesus.
Como na imagem do Santuário, levantais ao alto o vosso Filho,
apresentando-O ao mundo com os braços abertos em gesto de amor.
Ajudai os católicos a serem sempre testemunhas credíveis deste amor,
mantendo-se unidos à rocha de Pedro sobre a qual está construída a Igreja.
Mãe da China e da Ásia, rogai por nós agora e sempre.
Amen !

Algumas imagens de Nossa Senhora (versão chinesa):

Maria é a companheira dos aflitos.

Nossa Senhora da Paz
Nossa Senhora da Justiça.
Natividade

Outras imagens veja aqui!

Apresento abaixo um Cartão de Oração conhecido entre os católicos chineses há quase cinqüenta anos:

Oração do Cartão: Deus eterno e onipotente, Consolador dos aflitos, Força no sofrimento, conceda que os nossos irmãos da China que partilhem a nossa fé possam obter, por intercessão da Virgem Maria e os nossos Santos Mártires, a paz em Teu serviço, força na hora do julgamento, e graça para glorificar a Ti, por Cristo Jesus nosso Senhor.

E por fim, uma última pintura que me chamou a atenção. Clique na imagem para ver seus detalhes.

Mártires chineses com especial devoção a Maria, Mãe de Jesus.

Anúncios

2 Respostas para “Conhece Nossa Senhora da China?

  1. Legal demais.

    VIVA A VIRGEM MÃE, MARIA

    Como Visto ela é mãe de todo o mundo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s